APMP, ESMP e Fempar lançaram a 14ª edição da Revista Jurídica do MPPR

Edição tem novidades na identidade visual e nos critérios editoriais
11 de August de 2021 > Desenvolvimento Acadêmico, Gerais

Nesta segunda-feira, dia 09 de agosto, a Associação Paranaense do Ministério Público (APMP), a Escola Superior do Ministério Público do Paraná (ESMP), e a Fundação Escola do Ministério Público do Paraná (Fempar) lançaram a 14ª edição da Revista Jurídica do MPPR. 

A publicação está com novidades na identidade visual e nos critérios editoriais, que foram aprimorados a fim de atender os parâmetros avaliativos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). 

Entre as diversas mudanças realizadas, destacam-se a prioridade para artigos provenientes da comunidade acadêmica e científica, especialmente os doutores da área do Direito, a renovação do Conselho Editorial e a colaboração de autores, parceristas e conselheiros de outros estados e países. As inovações seguem requisitos da ferramenta avaliativa Qualis, utilizada pela Capes para classificar os periódicos científicos que divulgam artigos dos programas de pós-graduação.

Com apresentação assinada por Gilberto Giacoia, Procurador-Geral de Justiça do MPPR; Samia Saad Gallotti Bonavides, Subprocuradora-Geral de Justiça de Planejamento Institucional do MPPR; e Eduardo Cambi, Promotor de Justiça e Coordenador da ESMP, esta edição contou com 06 artigos. Entre os diversos autores dos trabalhos estão as associadas Aysha Sella Claro de Oliveira, Promotora de Justiça e Conselheira Fiscal titular da APMP; e Luciane Evelyn Cleto Melluso Teixeira de Freitas, Promotora de Justiça; e o associado Mauro Sérgio Rocha, Procurador de Justiça.

Confira aqui a 14ª edição da Revista Jurídica do MPPR, em PDF.

Submissão de artigos - Próxima edição (Dezembro/2021)

Em vista das alterações a fim de obter uma reclassificação do estrato Qualis Periódicos, a ESMP lançou um novo Edital dentro dos critérios exigidos pela Capes. 

Vale ressaltar que a submissão de artigos é aberta a toda a comunidade científica e acadêmica, não se restringindo a ser um veículo de comunicação apenas do Ministério Público, desde que o autor ou coautor do artigo possua o título de doutor. Doutorandos, mestres e mestrandos poderão publicar apenas em coautoria com doutores. Fica vedada a participação de especialistas, graduados e graduandos, mesmo como coautores.

Os associados interessados em enviar os seus artigos, devem enviar o texto para o e-mail revistajuridica@mppr.mp.br.

Acesse o Edital completo aqui.

Com informações: MPPR.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.